sexta-feira, 21 de novembro de 2014

Debate sobre consciência negra deve ser diário


Debate sobre consciência negra deve ser diário e essencial para um Brasil com direitos iguais                                           
O Brasil é um país que se julga livre de amarras preconceituosas, democrático, livre. Esse mesmo país, entretanto, abriga muitos que costumam julgar, com perigosa sutileza, seja pelo tom da pele, pelo poder aquisitivo, opção sexual, seja pela simples escolha do que vestir. Por conviver com a prática de racismos velados, a luta por direitos iguais torna-se complexa. Muitos – inclusive – a enxergam com desconfiança e carregam-na de mais preconceito. “Ora, se tratássemos todos como seres humanos que somos não teríamos a necessidade de um dia para a Consciência Negra”, defendem aqueles contrários a um dia específico para marcar essa luta. 
Ignorando o sofrimento histórico imposto aos negros no Brasil não conseguiremos consolidar um país com direitos iguais. Para continuar em busca de avanços, o debate sobre consciência negra deve ser diário e incansável. Só para ficar em um dado relevante, estudo divulgado pelo Dieese em novembro do ano passado mostra que um trabalhador negro recebe em média um salário 36,11% menor que um trabalhador não negro. Os dados desse estudo ainda não foram divulgados esse ano, mas não devem ter alterado significativamente. 
(LEIA MAIS ... www.condsef.org.br)

quarta-feira, 19 de novembro de 2014

Entidades e centrais farão vigília permanente no Congresso Nacional


Entidades e centrais farão vigília permanente no Congresso Nacional para evitar aprovação de projetos que prejudicam classe trabalhadora                                           
O auditório Nereu Ramos da Câmara dos Deputados foi palco nesta quarta-feira de uma atividade em defesa dos direitos da classe trabalhadora. Diversas entidades e centrais sindicais, entre elas a CUT e a Condsef, contaram com representantes que devem iniciar um trabalho de vigília permanente no Congresso Nacional. O objetivo é impedir que sejam votados projetos que retiram direitos dos trabalhadores como o que tenta regulamentar a greve no setor público sem o debate adequado com a categoria. 
Outros projetos como o PLP 92/07 que propõe a criação de fundações estatais de direito privado também estão entre os que precisam ser combatidos. A atividade também contou com a presença de diversos parlamentares entre eles a deputada federal Benedita da Silva (PT-RJ) e os deputados Chico Lopes (PCdoB-CE) e Chico Alencar (Psol-RJ). 
Todos, em suas falas, declararam apoio à luta em defesa dos trabalhadores e destacaram a importância da participação e pressão permanentes contra a retirada de direitos. 
(LEIA MAIS ... www.condsef.org.br)

terça-feira, 18 de novembro de 2014

Condsef participa de ato público, na Câmara Federal, em defesa dos direitos dos trabalhadores


Condsef participa de ato público no Auditório Nereu Ramos nesta quarta-feira, dia 19, por apoio a direitos dos trabalhadores  
A Condsef convoca suas filiadas e servidores federais a participar nesta quarta-feira, 19, a partir das 14 horas, de ato político no auditório Nereu Ramos, na Câmara dos Deputados. A atividade vai reunir outras entidades do fórum em defesa dos servidores e serviços públicos e representantes de trabalhadores de outros setores. A mobilização representa um grande trabalho de força tarefa para buscar apoio de parlamentares. 
O objetivo é garantir que não sejam votados projetos que retiram direitos da classe trabalhadora como é o caso do projeto que prevê regulamentação da greve no setor público, o PL 92/07 - que propõe a criação de fundações estatais de direito privado, além de projetos que envolvem trabalho escravo e doméstico. 
O envolvimento nessas atividades é de extrema importância para assegurar a pressão necessária e atenção aos rumos que o Congresso Nacional dá à pauta dos trabalhadores. 
(LEIA MAIS ... www.condsef.org.br)

segunda-feira, 17 de novembro de 2014

Em seminário, federais levantam temas que estarão no centro da campanha salarial 2015

Em seminário, federais defendem reforço em unidade e levantam temas que estarão no centro da campanha salarial 2015                                           
O seminário que reuniu entre sexta-feira, 14, e domingo, 16, representantes do fórum em defesa dos servidores e serviços públicos levantou temas que vão estar no centro da campanha salarial unificada no próximo ano. 
O debate que reuniu mais de 300 participantes contou com a realização de grupos de trabalho que sintetizaram pontos de destaque e de consenso da campanha e levantaram ações que devem ser desenvolvidas em assuntos de interesse da categoria como salário, condições de trabalho, direitos de aposentadoria, negociações e lutas gerais como, por exemplo, a luta por uma constituinte soberana com participação popular sobre reforma política. 
Todas as propostas vão ser discutidas pelas entidades que compõem o fórum com suas respectivas bases. 
(LEIA MAIS ... www.condsef.org.br)

domingo, 16 de novembro de 2014

Condsef repassa com SRT pautas pendentes e cobra agenda para retomada de negociações

Condsef repassa com SRT pautas pendentes e cobra agenda para retomada de negociações                                           
A Condsef esteve nesta quinta-feira, 13, na Secretaria de Relações do Trabalho (SRT) do Ministério do Planejamento onde repassou – com representantes da SRT – pautas pendentes de diversas categorias. A entidade cobrou do governo ainda a retomada das negociações sobre diversos pontos que envolvem a maioria dos servidores do Executivo. 
É o caso da equiparação de tabelas a partir da Lei 12.277/10, mudança de regras na avaliação de desempenho para aposentadoria, inclusão de servidores do PGPE na carreira de Tecnologia Militar e outros. A SRT concordou em retomar negociações sobre esses pontos, mas informou que enquanto acontece a transição de governo não é possível ainda tomar nenhuma decisão. 
A Condsef argumentou que as negociações devem ser conduzidas, independente dos atores que estarão à frente da SRT. A expectativa, inclusive, é de que essas negociações avancem no próximo mandato da presidente Dilma Rousseff. 
A SRT se comprometeu a definir agendas e informar à Condsef. 
(LEIA MAIS ... www.condsef.org.br)

sexta-feira, 14 de novembro de 2014

Condsef encaminha a setores do MF abaixo-assinado de administrativos fazendários por revisão em carreira

Condsef encaminha a setores do Ministério da Fazenda abaixo-assinado de administrativos fazendários por revisão em carreira                                           
A Condsef encaminhou nesta quarta-feira, 12, ofício ao Ministério da Fazenda (MF), à Procuradoria-Geral da Fazenda Nacional (PGFN), Secretaria Executiva do Ministério da Fazenda (Spoa) e Receita Federal do Brasil (RFB) com abaixo-assinado de servidores administrativos fazendários. 
A adesão contou com assinatura de servidores lotados nas diversas unidades do MF que reivindicam a reestruturação da tabela remuneratória do Plano Especial de Cargos do Ministério da Fazenda (PEC/FAZ). 
Atualmente, a tabela do PEC/FAZ é a pior entre as diversas carreiras do MF e suas unidades e a categoria pede esta revisão levando em conta as atribuições dos servidores, sua importância para o ministério e a busca por coerência e justeza nas remunerações tão diferentes dentro do MF.  
(LEIA MAIS ... www.condsef.org.br)

quinta-feira, 13 de novembro de 2014

Servidores vão cobrar dos parlamentares maior discussão em torno do direito de greve e negociação coletiva


Diap alerta que servidores devem cobrar dos parlamentares maior discussão em torno do direito de greve e negociação coletiva                                           
A aprovação nesta terça-feira, 11, sem quórum, do relatório do senador Romero Jucá na Comissão de Consolidação da Legislação Federal e Regulamentação de Dispositivos da Constituição (CMCLF), que impõe uma série de limitações ao direito constitucional dos servidores a paralisação de atividades quando assim entenderem necessário, deve mover um intenso trabalho de força tarefa no Congresso Nacional. 
A Condsef entrou hoje em contato com o Diap (Departamento Intersindical de Assessoria Parlamentar) e conseguiu informações importantes sobre a tramitação a partir de agora do projeto que trata do direito de greve dos servidores. 
O Diap recomenda que os servidores cobrem de parlamentares a abertura de espaços, em outras comissões, por exemplo, que possam ampliar o debate com a sociedade em torno deste e de outros temas como trabalho doméstico e escravo que também tiveram relatórios aprovados sem a devida discussão. 
(LEIA MAIS ... www.condsef.org.br)

segunda-feira, 10 de novembro de 2014

Condsef aguarda retomada de negociação no Ministério do Planejamento

Condsef aguarda essa semana confirmação de agenda de reuniões para retomada de negociação no Planejamento                                           
A Condsef aguarda essa semana a confirmação da Secretaria de Relações do Trabalho (SRT) do Ministério do Planejamento de uma agenda de reuniões que deve retomar a negociação de uma série de pautas pendentes. 
O próprio Planejamento, em resposta a contatos feitos pela Condsef, informou que esta semana deve confirmar a possibilidade de retomada desse calendário de negociações antes do final do ano. 
Entre pautas pendentes estão demandas dos servidores do Dnit, da Suframa, anistiados, aposentados do Incra, Ibama, AGU, e outros, além de temas que interessam ao conjunto do funcionalismo público federal. 
(LEIA MAIS ... www.condsef.org.br)

sábado, 8 de novembro de 2014

Seminário debate integração entre mesas estaduais e a nacional de negociação da Saúde

Seminário debate integração entre mesas estaduais e a nacional de negociação da Saúde                                           
A Condsef participou de um seminário nesta quarta-feira, 5, que teve por objetivo central debater a integração das mesas de negociação da Saúde nos estados e em âmbito nacional. Foi aprovada a consolidação de um calendário que busque essa integração. Para isso um seminário de planejamento estratégico buscando maior monitoramento entre as mesas estaduais e a nacional deve acontecer com data ainda a ser confirmada. 
O tema deve ser pautado na próxima mesa nacional da Saúde com reunião prevista para o dia 18 desse mês. Desse seminário participaram 175 pessoas, entre elas representantes da Condsef, CNTSS, Fenasps, além de gestores dos ministérios da Saúde e do Planejamento. Nem a Funasa e nem a Sesai enviaram representantes. A expectativa é de que todos participem das discussões que buscam formas de integrar e aprimorar o diálogo entre servidores e governo nesses espaços de negociação. 
(LEIA MAIS ... www.condsef.org.br)

Fórum de entidades se reúne para discutir campanha salarial unificada dos federais

Fórum de entidades se reúne para discutir campanha salarial unificada dos federais para 2015                                           
O fórum que reúne 31 entidades representativas dos servidores federais das Três Esferas (Executivo, Legislativo e Judiciário), entre elas a Condsef e a CUT, realiza um seminário nos dias 14, 15 e 16 da próxima semana. 
O encontro deve discutir e definir os eixos que vão garantir mais uma vez a unidade dos federais em torno de uma campanha salarial para 2015. A agenda propositiva de compromissos (veja no site) assumidos pela presidente Dilma Rousseff durante a campanha presidencial que levou à sua reeleição deve estar no centro do debate. 
O seminário vai levar representantes do Diap, Dieese e assessores jurídicos das entidades que vão pontuar com informações e dados de conjuntura todo o debate que deverá ser travado entre os servidores federais. 
(LEIA MAIS ... www.condsef.org.br)